Conhecida como Análise FOFA em português, a Análise SWOT é uma ferramenta que faz parte da gestão de empresas, auxiliando no planejamento estratégico.

Se você está prestes a executar um empreendimento novo ou tem protelado dar uma parada na rotina da sua empresa para fazer uma análise de tudo que vem acontecendo, devido a resultados insatisfatórios, saiba que você pode contar com a metodologia poderosa da Análise SWOT, que irá auxiliar na solução dos seus problemas.

Fazer um exame de sua empresa ou novo projeto, baseado nos princípios da análise SWOT, pode ser determinante quanto às chances de resultados e sucesso. Mas se você nunca ouviu falar desse termo, ou ele soa um pouco familiar aos seus ouvidos, neste artigo iremos te ajudar a entender a necessidade e eficácia dessa análise.

Mas o que é Análise SWOT?

Mais simples do que parece, SWOT é uma sigla em inglês composta pelas iniciais das palavras Strengths (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças). Como em português é conhecida por análise FOFA, a sigla se forma pela ordem das palavras Forças, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças.

Estas palavras dão o direcionamento da análise que será feita. As Forças e as Fraquezas têm o objetivo de realizar uma análise interna, isto é, de todas as questões positivas e negativas  que envolvem a empresa ou o novo projeto que se tem em mente.

Em Oportunidades e Ameaças, o foco é analisar o ambiente externo, já que são situações que não estão no seu controle, mas que ao se tornarem do seu conhecimento, possibilitam um preparo anterior. 

O que a Análise SWOT faz por mim?

Tendo como base uma empresa já existente, realizar um diagnóstico para identificar a real situação da empresa e do ambiente que ela está inserida permite que, frente a todas as informações geradas, novas ações sejam tomadas com direcionamentos específicos.

A avaliação de cenários trazidas pelas quatro palavras da sigla SWOT ajuda a gerar um panorama completo de todas as áreas do negócio e mapear pontos que estão fluindo bem, outros que precisem melhorar ou até mesmo serem deixados de lado para dar lugar a novas táticas e planos.

Já no caso de novos projetos, a Análise SWOT ajuda a conhecer a realidade, avaliar todos os cenários e situações possíveis a fim de aumentar as chances de acertos e correr menos riscos dentro dessa nova empreitada. E claro, aproveitar melhor todas as oportunidades.

Como a Análise SWOT funciona?

Vamos explorar agora cada palavra da sigla e sua função dentro da análise.

Forças (Strengthts)

Dentro de Forças, o que se pretende analisar são todos os fatores que fazem da empresa ou novo projeto superiores a seus concorrentes. Os elementos e características de seu negócio devem ser analisados para assim entender o que o diferencia de outras empresas.

Com suas vantagem em mente, fica mais fácil aprimorá-las para impulsionar o crescimento.

Fraquezas (Weaknesses)

Em fraquezas, o que deve ser apontado são todos os fatores que desfavorecem a empresa ou novo projeto frente a seus concorrentes. Conhecer as fraquezas, ou seja, os pontos que prejudicam o progresso e a competição no mercado, é fundamental para que medidas e ajustes sejam feitos.

Oportunidades (Opportunities)

Aqui são analisados os fatores externos que favorecem a vantagem competitiva da empresa ou novo projeto no mercado. As oportunidades não são controláveis, mas conhecer e entendê-las proporciona um melhor aproveitamento e percepção delas. Percebendo eventuais oportunidades você poderá, inclusive, antecipar suas estratégias colocando-se à frente dos concorrentes.

Ameaças (Threats)

Completando a Análise SWOT, em ameaças, todos os fatores externos que criam um ambiente desfavorável para a empresa devem ser apontados.

Todos os pontos negativos e circunstâncias que podem atrapalhar a competitividade da empresa devem ser analisados. As ameaças não são controláveis, assim como as oportunidades, por isso devem ser examinadas para não impactar nos planejamentos e estratégias.

Ambiente interno e externo

Forças e Fraquezas estão associadas ao ambiente interno. Isso significa que os pontos e questões levantados encontram-se no controle da empresa, no caso, são gerenciáveis. Os pontos positivos descobertos em Forças podem ser fortalecidos e mantidos e as questões expostas em Fraquezas podem ser reparadas.

Oportunidades e Ameaças estão ligadas ao ambiente externo, ou seja, fatores não controláveis mas que são considerações importantes que devem ser vistas para o bem da empresa e uma capacitação prévia. Conhecendo suas Oportunidades você pode ter inspirações para novas estratégias e se preparar contra as Ameaças encontradas.

No ambiente externo destaca-se a situação do mercado, concorrentes, fornecedores e momento político, econômico, social e cultural.

Vantagens

Se você ainda não se convenceu que a Análise SWOT pode ser o divisor de águas nas estratégias de sua empresa ou novo empreendimento, preste atenção nos seguintes benefícios:

  • Panorama completo: assim você descobre a sua posição no mercado e a de seus concorrentes.
  • Avaliação da realidade: fica mais fácil identificar onde está o problema e o que tem dado errado.
  • Insights: ao se deparar com todas as informações levantadas e agora estruturadas de uma forma visual compreensível, novas ideias e soluções surgem com mais clareza e facilidade.
  • Aproveitamento de oportunidades: com o conhecimento do seu ambiente interno e externo, as escolhas são feitas com mais chances de sucesso.
  • Segurança: a implementação de novidades, ações e estratégias são mais seguras, já que agora todas as prováveis foram analisadas.

Como fazer a Análise SWOT?

É na Matriz SWOT que você organizará todas as informações levantadas pela análise.

Na montagem da matriz,  os fatores internos (forças e fraquezas) ficam posicionados nos quadrantes superiores. Os fatores externos (oportunidades e ameaças) ficam nos quadrantes inferiores. É necessário que os pontos positivos (forças e oportunidades) estejam dispostos nos quadrantes à esquerda e os pontos negativos (fraquezas e ameaças) à direita.

Com todas as informações resumidas em tópicos objetivos organizados na matriz, agora é o momento da análise geral ser feita e diante disso definir metas e estratégias.

Conclusão

A Análise SWOT é a resposta se você deseja rever seu planejamento estratégico e reestruturar metas, objetivos e ações. 

Não ouse entrar no mercado com algo novo sem antes ter a segurança de que saberá reconhecer e aproveitar as oportunidades sem correr muitos riscos.