Saiba como essa prática, comumente utilizada no marketing, se aplica a análise de dados

Os dados, tantos internos como os externos de uma empresa, carregam informações valiosas. E o importante é saber o que fazer com eles, como extrair valor e se beneficiar dos fatos que indicam. Tendo isso em vista, a maneira pela qual os dados serão apresentados e explicados, influenciará totalmente na entrega de valor.

As tomadas de decisão das empresas se baseiam e precisam de uma correta apresentação dos dados. Sozinhos, os dados não indicam nada. Por isso a necessidade de serem apresentados acompanhados de uma boa história, dentro de um contexto que traga sentido para a análise dos dados. Ter dados, mas não conseguir encaixá-los dentro da sua realidade, ou visualizá-los com clareza e legibilidade, nem extrair valor deles, é o que acontece com muitas empresas.

É em meio a essa necessidade que se aplica o Data Storytelling, prática que utiliza as técnicas de Storytelling para estruturar e aprimorar a apresentação de dados, utilizando as informações para contar histórias que elucidem o que for constatado na análise de dados.

Mas antes, o que é Storytelling?

Storytelling é uma prática comumente utilizada no marketing que consiste em contar histórias se apoiando em recursos audiovisuais, não ficando preso somente as palavras. Por ser uma técnica com caráter persuasivo, ela auxiliar a promover negócios e vendas de maneira indireta. 

O Storytelling é composto pelo uso de técnicas narrativas, se tratando dos conceitos que o conteúdo quer abordar; o conteúdo narrativo em si, que é a elaboração do discurso; e a continuidade, pois a história precisará ser consistente e contínua, aproximando o ouvinte.

Storytelling de dados

O Data Storytelling combina a análise de dados com uma narrativa criativa, tendo a finalidade de conquistar e manter a atenção dos ouvintes. Segundo estudos, somente 5% das pessoas costumam se lembrar de estatísticas e números individualmente apresentados em discursos. Daí a importância do storytelling de dados, pois muitos só aprendem e entendem sobre dados se eles forem bem apresentados, com uma boa narrativa e dentro de um contexto que faça sentido para o ouvinte. 

Com o storytelling de dados o trabalho de análise, leitura e argumentação dos dados é facilitado e aperfeiçoado. A habilidade de leitura dos dados é aprimorada, colaborando na elaboração de histórias e narrativas de acordo com o que for constatado. Os dados serão inseridos sob um mesmo contexto, que faça sentido para todos e, desse modo, as pessoas os utilizarão, desenvolvendo suas opiniões e conclusões sobre o conteúdo.

Clique aqui para ver um exemplo de Data Storytelling da Bloomberg.

Importância do Data Storytelling

As tomadas de decisão fazem parte do dia a dia de toda e qualquer empresa. A relevância desse momento é inquestionável, pois influencia nos resultados, performance, crescimento e futuro da empresa. Com o suporte da análise dos dados, o gestor consegue fundamentar suas escolhas e desenvolver metas, objetivos e estratégias.

Com os dados sendo apresentados de forma mais clara e compreensível, dentro de um contexto que faça sentido para o ouvinte, o trabalho do gestor será descomplicado e otimizado. Mesmo que muitos dados estejam disponíveis e sejam feitas várias análises, os tomadores de decisão só considerarão os dados se compreendê-los. E esse entendimento só será possível se os dados estiverem dispostos não só em cálculos, gráficos e tabelas, mas também em histórias.

Os dados, quando cruzados e comparados, compõem um todo, formando um histórico e história. Se os dados são apresentados separados, sem um contexto e relação com o passado, dificilmente o gestor conseguirá se lembrar de todas as informações.

Saiba mais: Importância da Análise de Dados para as tomadas de decisão

Data Storytelling e Data Visualization (Visualização de dados)

É preciso deixar claro: o Data Storytelling não é sobre Data Visualization. O storytelling de dados se trata de unificar análise de dados com a comunicação criativa ao desenvolver uma narrativa baseada nos dados. A visualização de dados organiza as informações para uma rápida compreensão, tornando as relações entre conjuntos de dados claras e fáceis de se identificar.

Saiba mais: 8 dicas para tornar sua visualização de dados mais atraente e eficaz

Painel de Indicadores (Dashboard): o que você precisa saber sobre

Aplicando o Data Storytelling

É preciso saber trabalhar com os dados e informações para aplicar o storytelling de dados, pois só assim será possível desenvolver a história no contexto adequado para que os dados façam sentido. Saber analisar os dados possibilita usufruir da narrativa para guiar as pessoas para a compreensão. Apresentar uma boa história fará com que os ouvintes aprendam e compreendam sobre o conteúdo de acordo com os dados e informações expostos. 

Para montar um Data Storytelling é preciso:

  1. Ter um objetivo em mente: é preciso definir quem é  seu público, se eles entendem sobre dados e o que você deseja que eles compreendam. Desse modo, você encontrará a melhor maneira de se comunicar com os ouvintes.
  2. Elaborar a história certa: você precisará ajustar a sua fala de acordo com seu público, usando uma linguagem técnica que eles entendam. Tente ser simples, direto e dinâmico.
  3. Saber a história por trás dos números: para sua história ganhar forma, descubra o que os números estão dizendo, o que há por trás deles. Após isso, estruture a sua narrativa.
  4. Recursos visuais: aposte em recurso visuais como fotos, gráficos, infográficos, animações e vídeos para ilustrar a sua história, contextualizar e exibir os dados. 

Imagem: Negócio foto criado por pressfoto – br.freepik.com